O TIMMIS participa na Startup Olé 2019 com muito bons resultados para a equipa VENKO

O projeto TIMMIS Empreendedorismo da Cátedra de Comércio Externo da Universidade de Valladolid participou ativamente na quinta edição do evento tecnológico Startup Olé, que se realizou de 26 a 28 de março na Hospedería Fonseca de Salamanca. Com efeito, a sua presença foi relevante em atividades como as mesas redondas ‘TIMMIS: Um ecossistema universitário para a pré-incubação empresarial. Equipas de universitários acompanhados por mentores e padrinhos’ e ‘O futuro da educação superior no empreendimento’, assim como o desenvolvimento de workshops de competência emocional e o atendimento do stand informativo TIMMIS na zona de exposição da feira.

Mas, além disso, outra das funções do TIMMIS na Startup Olé 2019 consistiu em acompanhar a equipa VENKO, germinada no projeto TIMMIS Empreendedorismo e especializada em blockchain, que participou numa Pitching Competition em que se mediu com mais de uma centena de startups de todo o mundo e em que recebeu uma menção de honra.

A VENKO é uma startup que procura facultar aplicações descentralizadas para que os clientes tenham o sistema de votação mais potente e transparente da história, baseado em tecnologia blockchain, graças ao qual as organizações poderão conhecer em tempo real as opiniões dos seus clientes garantindo totalmente a eliminação da duplicação de identidades ou a falsificação de votos. A VENKO é composta por cinco jovens empreendedores apaixonados pela tecnologia e inovação, Inés Muñoz (Chief Executive Officer), Natalia García (Chief Director For Public Affairs), Lilian Matiz (Chief Financial Officer) Diego Monedero (Chief Technological Officer) e Ismael Arribas (Chief Compliance Officer). O sítio da Internet da VENKO, www.venkoproject.org, oferece mais informações sobre a visão da empresa.

A distinção com a menção de honra que a VENKO recebeu pela participação na Startup Olé inclui o recebimento de um prémio de 3.000 euros de serviços da Amazon para impulsionar o desenvolvimento e o crescimento da empresa.

Além disso, o grupo recebeu o prémio Best Project Award Certificate do grupo israelita OurCrowdy BlockchainHub, que comporta um convite para participação num concurso de startups em Israel.

«Estamos muito satisfeitos com esta menção especial. É um impulso muito importante para o nosso projeto» – declararam os membros da equipa depois de terem recebido a notícia do seu reconhecimento. «A partir da Venko, queremos agradecer ao TIMMIS, onde incubámos a nossa startup, todo o apoio recebido e também à Startup Olé, porque nunca esqueceremos esta experiência» – acrescentam.

A equipa VENKO, que na Startup Olé encontrou a possibilidade de entrar em contacto com eventuais investidores, deu a conhecer o seu projeto não só com a sua participação na competição de startups, mas também através de duas entrevistas nos programas radiofónicos ‘Mundo Emprende’ da EsRadio e ‘Negocios de Carne y Hueso’ da Capital Radio.

 

IMG_20190327_152219

 

A Startup Olé é um dos eventos tecnológicos com maior projeção na Europa, e um dos três eventos que encabeçam o ranking do empreendimento espanhol. Esta edição da Startup Olé reuniu mais de 30.000 assistentes de 120 países, 850 startups e 500 conferencistas, com um portfólio de investimento de 50.000 milhões de euros.

Seguindo a linha explicativa de Augusto Cobos, professor da Universidade de Valladolid e Investigador do projeto, na apresentação do projeto europeu TIMMIS, a participação do projeto da Cátedra de Comércio Externo da UVa na Startup Olé Salamanca 2019 foi concluída como um episódio épico de criação de ideias empresariais. A presença do TIMMIS neste fórum de empreendimento foi iniciada com a mesa de apresentação liderada por Augusto Cobos juntamente com alunos e mentores do projeto, e o capítulo foi encerrado com a menção honorífica recebida por uma das equipas TIMMIS.

Mesa TIMMIS na Startup Olé

Desta forma, um dos momentos mais significativos do projeto na Startup Olé foi o desenvolvimento da mesa redonda “TIMMIS: Um ecossistema universitário para a pré-incubação empresarial. Equipas de universitários acompanhados por mentores e padrinhos”, em que participaram como oradores o diplomado Inocencio Arias; Natalia Martín, diretora da Fundação da Língua e Mentora TIMMIS; Ismael Arribas, sócio fundador da Kunfud, líder da Comissão de Padrões da Alastria e mentor TIMMIS; Iris Muñoz, aluna TIMMIS estudante de Engenharia de Organização Industrial; e Augusto Cobos, professor da UVa e investigador do Projeto Europeu 0422_TIMMIS_ Empreendedorismo_2_E.

Timmis Startup Ole+_8

Durante a sua intervenção, o diplomado Inocencio Arias destacou que “a União Europeia tem vindo a executar nos últimos anos um imenso trabalho, que permitiu a muitos cidadãos o acesso a muitos benefícios”, e defendeu que “graças à UE, existe o programa TIMMIS, o qual alarga a ótica e o horizonte dos alunos que trabalham no mesmo, de modo que enfrentam o mundo empresarial mais bem preparados, o que, sem um programa deste tipo, não existiria. E se, graças a programas como este, alguém puder descobrir que a sua vocação coincide com a sua profissão, excelente”.

Para Iris Muñoz, “a participação neste projeto europeu foi muito benéfica a nível pessoal. O trabalho por projetos numa equipa multidisciplinar enriquece a ideia de negócio e as metodologias de trabalho. A pré-incubação empresarial aproxima-nos do mundo empresarial, e permite que trabalhemos em equipa”.

Pela sua parte, Natalia Martín destacou a importância do apoio institucional para dinamizar as zonas do ambiente rural: “Com a chegada de estudantes, conseguimos dinamizar as economias, aspeto fundamental também no mundo rural”.

Por último, Ismael Arribas partilhou a sua visão sobre o projeto TIMMIS e destacou que “a única forma de transformar a sociedade é com educação, e o TIMMIS é precisamente uma rutura com os modelos educativos, porque incorpora elementos do mundo real e do mercado real”. Neste sentido, assinalou que “o empreendimento se está a profissionalizar, dado que está a ser visto como uma opção de futuro e não já como a única saída quando o sistema não dá trabalho; em última análise, está a ser encarado a sério”.

Outras atividades

O projeto TIMMIS Empreendedorismo também esteve presente na Startup Olé através da participação de Eva Perelló, investigadora da Cátedra de Comércio Externo da Universidade de Valladolid, como oradora na mesa redonda ‘O futuro da educação superior no empreendimento’.

 

IMG-20190326-WA0017

Além disso, a zona de exposição da Startup Olé 2019 albergou um stand de informação TIMMIS, em que os visitantes puderam conhecer em primeira-mão as atividades que o projeto europeu impulsiona e desenvolve. De igual modo, foram realizados dois Workshops Experiência TIMMIS, onde os assistentes puderam aprender a trabalhar o desenvolvimento da competência emocional e o trabalho em equipa. Estes workshops foram dirigidos por Estela Llorente, consultora de Recursos Humanos, especialista em Desenvolvimento de Pessoas e Gestão do Talento, e David Rincón, ambos investigadores de Recursos Humanos da Cátedra de Comércio Externo da Universidade de Valladolid e do projeto 0422_TIMMIS_ Empreendedorismo_2_E.

IMG_20190327_132052

IMG_20190327_190410

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *